Skip to content
O que são redes estruturadas e porquê investir em sua aplicação

Redes Estruturadas: entenda o que é e porque investir

Investir em tecnologia faz parte da realidade das empresas, fazendo com que a necessidade de redes estruturadas aumente e se torne muito presente. 

Sabemos que,  independente do seu ramo de atuação, o funcionamento do seu negócio passa por uma rede de comunicação, e é sobre elas que vamos falar mais hoje.

 

O que são as redes estruturadas?

Redes estruturadas são aqueles cabeamentos que suportam sistemas que irão conduzir informações por um edifício ou escritório. Por informações, leia-se dados, voz, imagem e segurança. 

Elas são um sistema que irá integrar diversos meios de transmissão, como cabos metálicos, fibra óptica e wireless, garantindo uma implantação da rede capaz de expandir quando necessário.

As redes estruturadas auxiliam no direcionamento, fornecendo um caminho de transmissão entre dois ou mais pontos distintos dentro dessa mesma rede. Quando as redes estruturadas são bem feitas, as necessidades de todos os usuários podem ser atendidas com facilidade e flexibilidade.

Com essa estruturação de sistema, é possível realizar mudanças, manutenções ou implementações com maior agilidade, segurança e controle. 

O cabeamento estruturado proporciona ao usuário a utilização de diversos equipamentos de forma simultânea, simples e organizada. Elas são constantemente utilizadas em empresas de médio e grande porte, principalmente, por possuírem um número enorme de dados a serem compartilhados.

Com isso em mente, entende-se a necessidade da sincronização das máquinas presentes em uma rede, para que não haja a perda de nenhum dado no processo de comunicação. 

A organização das redes estruturadas garante que os usuários possuam sistematização adequada e facilidade no processo de funcionamento da empresa e fluxo ininterruptível de informação.

Em resumo, podemos dizer que um sistema de redes estruturadas fornece uma infraestrutura de cabeamento que irá proporcionar desempenho previsível, desde que o mesmo tenha sido planejado e instalado adequadamente.

 

Entenda as vantagens das redes estruturadas

Duas das principais vantagens das redes estruturadas estão na redução de despesas de capital, manutenção e operacionais. Com o uso das redes estruturadas, há uma redução no  tempo de inatividade, já que uma vez instalado o sistema, o potencial de erro é muito menor.

Outra grande vantagem das redes estruturadas é fornecer a garantia de um nível de performance para o seu sistema. Elas permitem também a ampliação ou alteração sem perda de flexibilidade.

A infraestrutura é um investimento para a sua empresa de grande retorno, já que com ela, os componentes da rede irão requerer poucas atualizações, permitindo que você economize tempo e dinheiro para seus negócios.

As redes estruturadas antecipam as futuras exigências da sua empresa, tornando- se uma escolha extremamente vantajosa para a sua organização.

Estudos mostram que 50% dos problemas que existem na rede estão diretamente relacionados ao meio físico. Logo, é primordial que o processo de instalação de redes estruturadas ocorra sem falhas.

Para estruturar uma rede projetada e trazer lucratividade, usamos um gabinete onde os fios são organizados e ligados aos chamados patch panels. 

Os Patch Panels são dispositivos com conectores destinados à conexão e roteamento de circuitos, que serão monitorados, interconectados e testados de forma flexível dentro de um ambiente.

Eles são utilizados para organizar os cabos presentes em redes estruturadas, possibilitando uma fácil identificação dos pontos de rede no rack.

 

Mas porque investir em redes estruturadas?

 

Eficiente gestão de dados

A infraestrutura de rede tem um papel muito importante na gestão de dados da sua empresa. É essa rede que cuida da conexão de todos os dispositivos tecnológicos entre si e com a rede usada.

Muitos setores da sua empresa podem ser afetados pelas falhas vindas pela falta de suporte de um sistema de redes eficiente e estruturado.

 As redes estruturadas irão permitir uma performance eficiente dos seus profissionais, já que com o uso das redes, os colaboradores não terão mais problemas para acessar dados fundamentais para as suas atividades.

 

Automatização de processos

A automatização de processos agiliza operações diárias, sendo fundamental para a redução do tempo investido pelo colaborador na realização de tarefas.

 Ela provoca a economia na empresa e gera maior eficiência nas atividades realizadas pela sua equipe de profissionais. Além de reduzir as falhas humanas nos processos. Mas, para isso, é necessária uma estrutura adequada à automatização. 

 Ter um bom suporte é essencial para que o sistema da sua organização não fique comprometido por falhas diversas.

 

Disponibilidade efetiva de informações

Possibilita uma maior disponibilidade das informações para os gestores responsáveis, que poderão fazer análises apuradas sobre o que foi processado.

 A priorização de um bom sistema de redes estruturadas é fundamental para que haja um fácil acesso às informações desejadas no momento em que forem requisitadas.

 Além de possibilitar conexões ágeis, diminuição na ocorrência de falhas e prevenção de problemas no trabalho dos demais colaboradores.

 

Maior segurança para seu negócio

Com uma infraestrutura qualificada, as ações de segurança se tornam mais fáceis de serem aplicadas na organização.

 Ao realizar esse investimento em redes estruturadas, você garante que as conexões continuem ativas caso ocorra falha em um dos caminhos, pois um segundo caminho manterá o pleno funcionamento do seu negócio.

 

Maior competitividade de mercado

Um sistema de redes estruturadas permite uma maior competitividade da sua empresa no mercado, já que você alcança uma agilidade e segurança nos processos diários.

Isso é essencial, pois os seus concorrentes utilizam diversas ferramentas e estratégias, fazendo com que você esteja sempre em busca de novas alternativas para disparar seus resultados. A infraestrutura de redes torna-se fundamental para possibilitar a implementação dessas soluções.

 

Prevenção de complicações em momentos de crise

O desenvolvimento de soluções voltadas a momentos de crise é um dos pontos de maior importância quando falamos de redes estruturadas.

Com momentos de crise, falamos em desastres tecnológicos de qualquer tipo, como incêndios ou panes graves nos sistemas.

 Ao implementar um sistema de redes estruturadas na sua empresa, você deve visar atender às inúmeras situações capazes de impactar seu negócio, tais como: 

  • quedas em servidores;
  • problemas no cabeamento de fibra ótica;
  • ataques na largura de banda de servidores (ataques DDoS);
  • falhas de segurança ocorridas diretamente nas conexões;
  • problemas físicos com switches e roteadores;
  • superaquecimento de servidores;
  • problemas com autenticação;
  • falhas de segurança que permitam acesso a hackers e cibercriminosos.

 

Com um sistema de redes, é preciso traçar planos eficientes. É essencial verificar a qualidade da infraestrutura de rede que está investindo visando sempre melhorar o potencial do seu negócio. Dessa forma, você evita problemas e garante um diferencial competitivo ao seu negócio. 

 Agora que você já entende a importância de se investir em um sistema altamente qualificado de redes estruturadas, entre em contato com 

 A.R.Phoenix e confira como podemos te ajudar na montagem e manutenção das suas redes estruturadas.

Continue sua leitura!

Além do hype: Explorando o impacto real da IA

Além do hype: Explorando o impacto real da IA

A inteligência artificial (IA) se tornou um termo presente desde artigos científicos até conversas casuais. Mas o deslumbramento em torno desse assunto encobre a realidade prática da tecnologia e os…
Descubra o framework ideal para o seu projeto

Descubra o framework ideal para o seu projeto

Construir um projeto pode ser comparado à construção de uma casa. Assim como um bom pedreiro precisa de ferramentas adequadas para erguer uma estrutura sólida e segura, o sucesso do…
Otimização de Banco de Dados

Otimização de Banco de Dados

Bancos de dados são essenciais para o funcionamento de qualquer sistema ou aplicação que armazene e manipule dados. No entanto, mesmo os bancos de dados mais bem projetados podem apresentar…

Planejamento

O planejamento do sprint é um evento no scrum que inicia o sprint.

O objetivo desse planejamento é definir o que pode ser entregue no sprint e como esse trabalho vai ser alcançado.

O planejamento do sprint é feito em colaboração com toda a equipe Scrum.

Desenvolvimento

Desenvolvemos seu projeto em seu ambiente ou em nossas instalações, com profissionais sob sua gestão, sob a nossa, ou compartilhada, com o uso do Outsourcing.

Todo o acompanhamento ocorre a partir de metodologias, frameworks e ferramentas de gestão participativa no desenvolvimento da solução.

A partir deste processo, temos a versão Beta para testes.

Nesta etapa, realizamos a documentação das soluções, inclusive as já existentes.

As entregas são sempre acompanhadas de descritivos funcionais e técnicos, possibilitando a compreensão da solução e sua divulgação.

Homologação

Nossos analistas de qualidade agregam valor final à sua solução, garantindo a superação do resultado esperado.

Produzimos roteiros e evidências de testes que auxiliam no processo de validação do cliente.

É na etapa da homologação, que ocorre a comprovação, pelo cliente e demais partes interessadas, de que o produto resultante do projeto de software atende aos critérios exigidos.

Revisão

Nessa etapa lidaremos com a Sprint Review.

Ou seja, validaremos as entregas da equipe e verificaremos se os critérios estabelecidos no planejamento foram executados.

É o momento de coletar os feedbacks do que a equipe construiu.

Em outras palavras, essa etapa pode ser entendida como uma conversa entre a equipe e as partes interessadas sobre como melhorar o produto.

No fim de cada Sprint, o time se reúne para falar sobre o processo.

Retrospectiva

A etapa de retrospectiva é como um ritual de avaliação do Sprint que acabou de se encerrar.

Nessa reunião, o Time Scrum considera o que foi bom e o que deve ser melhorado, traçando planos de ações em busca da melhoria contínua do processo.